William Lilly

A história de um dos mais famosos astrólogos ingleses do século XVII, que previu com exatidão o Grande Incêndio de Londres em 1666.

Xilogravura representando o Grande Incêndio de Londres em 1666, que Lilly previu com exatidão em 1651.
Xilogravura representando o Grande Incêndio de Londres em 1666, que Lilly previu com exatidão em 1651.

Além de vários almanaques astrológicos, Lilly escreveu em 1647 Astrologia Cristã, o trabalho mais importante de astrologia horária escrito em inglês, um volumoso tratado com mais de 800 páginas. De 1644 a 1681 publicou também um almanaque anual chamado Merlinus anglicus junior e numerosas obras de profecias que tiveram grande êxito em sua época, das quais pouca coisa chegou até nós. Algumas dessas predições lhe causaram problemas e freqüentemente Lilly envolveu-se em litígios e disputas judiciais. Também vivia prestando explicações a clientes desapontados, membros do Parlamento desconfiados e magistrados. Apesar desses contratempos, fez o horóscopo do rei Carlos Gustavo da Suécia, que em reconhecimento a sua arte enviou-lhe valiosa oferenda.

Na época de Lilly, os astrólogos ingleses promoviam anualmente um jantar ou festa pública patrocinada por simpatizantes da astrologia que reivindicavam o título de Philomaths, amantes da matemática, nome pelo qual deveriam ser conhecidos aqueles que encorajavam a procura da presciência mística, em oposição à ciência exata. Elias Ashmole, a quem Lilly dedicou sua autobiografia, raramente deixou de comparecer a este encontro, da mesma forma que muitos homens cultos de seu tempo.
Na época de Lilly, os astrólogos ingleses promoviam anualmente um jantar ou festa pública patrocinada por simpatizantes da astrologia que reivindicavam o título de 'Philomaths', amantes da matemática, nome pelo qual deveriam ser conhecidos aqueles que encorajavam a procura da presciência mística, em oposição à ciência exata. Elias Ashmole, a quem Lilly dedicou sua autobiografia, raramente deixou de comparecer a este encontro, da mesma forma que muitos homens cultos de seu tempo.

Predisse com acerto a grande peste no ano de 1665. Mas a sua celebridade foi conquistada mesmo com a famosa predição do Grande Incêndio de Londres em 1666, que lhe valeu ser levado à presença da Câmara dos Comuns sob suspeita de ter provocado o incêndio.

Lilly ensinou publicamente a astrologia durante o Protetorado e, com a volta dos Stuarts ao poder retirou-se para suas terras e continuou a exercer a astrologia e a medicina, cada vez mais próspero até morrer em 9 de junho de 1681.


Lilly deixou um curioso relato de como resolveu um caso de roubo através da astrologia horária em sua autobiografia . Este texto está disponível, junto com o mapa horário, no site Astrologia Tradicional traduzido por Pedro Sette Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.